Alencar Garcia de Freitas: As semelhanças e dessemelhanças entre Amaro Neto e o falecido Nilton Gomes, o Chuvisco

26 de julho de 2016


As semelhanças e dessemelhanças entre Amaro Neto e o falecido Nilton Gomes, o Chuvisco

Pouco tenho escrito sobre a política e as disputas eleitorais em Vitória, sobretudo para prefeito. Conhecendo o conservadorismo do eleitor vitoriense e também parte da história política daqui desde janeiro de 1957, vindo de Aimorés, senti vontade de falar alguma coisa sobre Amaro Neto, sua anunciada candidatura a prefeito e suas semelhanças e dessemelhanças com a candidatura, bem lá atrás, do também deputado e comunicador Nilton Gomes, o Chuvisco, lançado e apoiado pelo então prefeito Hermes Laranja, que andava com o seu candidato a tira-colo onde quer que fosse.

Conheci bem de perto o saudoso Nilton Gomes, vez que este começou comigo na Rádio Capixaba, fez carreira como operador de mesa e depois apresentador de programa; mais na frente foi para a Rádio Vitória, com bastante audiência, se elegeu deputado estadual com uma votação estrondosa, passando a ser o menino dos olhos de Hermes Laranja para concorrer ao cargo de prefeito contra o então deputado federal Vitor Buaiz. Todas as pesquisas indicavam, até poucos dias antes das eleições, que Nilton daria uma lavagem no petista.

Na época que Nilton surgiu como o preferido do prefeito Hermes Laranja, eu estava na Findes como secretário executivo e a mim coube fazer o meio de campo para levar o candidato a se reunir com o pessoal da indústria. 


Ao final desse encontro Chuvisco, como ele era conhecido no rádio e nos meios políticos, pediu minha opinião a respeito do encontro e também se poderia contar com o meu voto... (Já escrevi mais de uma vez que se o candidato pedir o meu voto, deixo de votar nele, por entender que essa é uma decisão pessoal minha).

O desempenho de Nilton nas pesquisas dava-lhe e a seus companheiros a certeza de que seria eleito prefeito de Vitória.

O eleitor de Vitória é bastante conservador, não sendo conquistado com muita facilidade, ainda mais se o candidato for de fora.

Minha impressão é que Amaro Neto, apesar de ser um grande comunicador e um deputado estadual bem avaliado, com bastante espaço na mídia, não faz parte do imaginário do eleitor vitoriense para ser o próximo prefeito da Capital. Resta esperar as eleições!


Alencar Garcia de Freitas 
é jornalista




COMENTAR

COPYRIGHT© 2007-2014 Don Oleari Ponto Com - Todos os direitos reservados - aldeia verbal produções e jornalismo - CNPJ: 15.265.070/0001-49