Yom Yom! abre nesta quinta na Praia do Canto para servir alimentação orgânica para bebês

15 de dezembro de 2016
Vida de mãe é corrida. É trabalho, casa, família. Facilitar o dia a dia é uma necessidade para conseguir dar conta de tudo.







Sylvia e Maria Flor


Por Letícia Passos

Para encontrar alternativas que mesclam praticidade e vida saudável, principalmente no que diz respeito à saúde dos filhos, a empresária e produtora de eventos Sylvia Bumachar, mãe da pequena Maria Flor, idealizou a Yom Yom! Comidinha Orgânica, inaugurando nesta quinta (15), na Rua João da Cruz, na Praia do Canto/ES.

Ela percebeu que uma das grandes dificuldades na vida da mãe moderna é atender a alimentação do filho de forma nutritiva, saudável e livre de agrotóxicos. 
Assim, com o intuito de contribuir um pouco para a tranquilidade dos pais neste quesito, a Yom Yom! é uma empresa de comidinhas, marmitinhas e complementos de refeições orgânicas. 

No cardápio, 15 diferentes opções para crianças de seis a 36 meses (três anos), com menu elaborado pela nutricionista infantil paulistana Vivian Zollar, com assessoria no preparo dos pratos executada pela chef capixaba Bia Delmaestro, da Caçarola Cozinha Artesanal.

O cardápio mudará a cada seis meses e contará sempre com cinco opções de comidinhas em potinhos de 200g e cinco opções de marmitinhas em potes de 300g: carne, frango, peixe, vegetariana e vegana. 

O que difere a “comidinha” da “marmitinha” é o peso e a consistência, sendo que na primeira opção os alimentos são em pedacinhos menores e na segunda são pratos prontos, com pedaços maiores.

Comidinha: Estrogonofe de carne com inhame e tomate

- “As comidinhas são ideias para os bebês de seis meses a um ano, e as marmitinhas para crianças de um a três anos, pois contêm alimentos que estimulam a mastigação e desenvolvem o paladar”, enfatizou Sylvia. 
A linha conta ainda cinco opções de complementos alimentares, para compor com outros alimentos que a mãe já tenha em casa ou para lanchinho. São eles: nuggets de milho, almôndega de berinjela, bolinho de batata doce com jaca, feijão e hambúrguer de ervilha.

As papinhas, que possuem valores individuais – com preços que variam entre R$ 9,00 e R$ 18,00 – serão vendidas congeladas e o preparo é simples.

-  “Os alimentos não serão batidos. Eles virão separados para que os pais possam amassar ou bater na consistência que os bebês estiverem acostumados. Isso se enquadra dentro do conceito do Baby-ledWeaning, ou BLW, criado pela britânica Gill Rapley, que consiste em oferecer a comida em pedaços para que a criança possa perceber as cores e texturas de cada um dos alimentos que compõem a refeição. A ideia é que ele possa participar das refeições familiares já a partir dos seis meses de vida”, explicou Sylvia.

Todos os alimentos das papinhas (foto) serão preparados em panelas de aço inox – o material não oxida e, portanto, não libera metal na comida. As embalagens podem ir direto no micro-ondas, pois são livre de qualquer tipo de contaminação e resíduos, como o Bisfenol A, mais conhecido como BPA – uma substância química usada na fabricação de plásticos e que traz prejuízos à saúde, especialmente a de crianças em processo de formação.


Papinha: cará, abóbora, peixe e brócolis


As papinhas serão congeladas através de uma máquina de ultracongelamento, que mantém a propriedade e textura. Além disso, a maior parte dos legumes serão feitos no vapor, evitando a perda de nutrientes, e as comidinhas serão temperadas com o conhecido sal de ervas (temperos naturais).

- “Além da preocupação primordial com a saúde e alimentação dos nossos bebês, um outro compromisso da Yom Yom! é com a questão socioambiental, priorizando os pequenos produtores orgânicos do Estado e que têm 100% da produção dentro do padrão e zelo da marca”, destacou a empresária. A empresa trabalhará com produtores orgânicos do Espírito Santo, das regiões de Santa Maria de Jetibá e de Pedra Azul.

O alimento orgânico é aquele feito com matéria-prima ecologicamente correta. 
Ou seja, eles não recebem agrotóxicos – que são usados para matar pragas e pestes durante o cultivo e, ao mesmo tempo, poluem o ambiente e fazem mal à saúde.

Comidinha: arroz verde com cenoura e hamburguer

São produzidos com o cuidado de preservar o meio ambiente e garantir os direitos do trabalhador do campo; além de possuírem o selo cedido pelo Ministério da Agricultura que garante que o produto seja realmente orgânico.

Num espaço de 40 metros quadrados, o projeto da loja é assinado pela arquiteta capixaba Fernanda Louzada, e remete ao conceito urbano minimalista. Na fachada, a pintura de uma árvore do artista do Roger Jackson se destaca.

Inicialmente, o serviço da Yom Yom! será em formato “take away”, com funcionamento de segunda a sexta das 10 às 19h e aos sábados das 9 às 12 horas.

SERVIÇO:
Yom Yom! Comidinha Orgânica – Rua João da Cruz, 325, Praia do Canto, Vitória/ES (esquina com a João da Cruz). 
Horário: segunda a sexta, das 10 às 19h; sábado, 9 às 12h. 
27 - 3376-1876.

Fotos: Rosane Zanotti

COMENTAR

COPYRIGHT© 2007-2014 Don Oleari Ponto Com - Todos os direitos reservados - aldeia verbal produções e jornalismo - CNPJ: 15.265.070/0001-49